sexta-feira, 5 de fevereiro de 2016

Um Farmacêutico na História da Imperatriz Leopoldinense.

Amauri Jório

  “Desde sua fundação, na sexta-feira de 6 de março de 1959, a Imperatriz Leopoldinense se preocupou com a difusão do saber. A reunião que a fez surgir, realizada na casa do farmacêutico Amauri Jório, esta que serviria por sete anos como sede da nova agremiação, tinha um objetivo: fundar uma grande escola de samba, que agregasse, em seus quadros, a nata dos sambistas da Zona da Leopoldina e pudesse suceder o Recreio de Ramos, bloco que saia ao lado da linha do trem e a escola de samba Unidos da Capela”



Veja mais em

 





Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...